Rodada Petróleo e Gás impulsiona empresas fornecedoras

Um total de 110 empreendimentos ofertantes de produtos e serviços sentam à mesa com 16 âncoras

Os 126 empreendimentos – entre âncoras e ofertantes – que participam da oitava edição da Rodada de Negócios dos Segmentos de Petróleo, Gás, Energia e Mineração, em andamento na Barra dos Coqueiros (SE), comemoram o sucesso do evento. Um total de 110 micro e pequenas empresas trabalham com o fornecimento de produtos e serviços em áreas como informática, ferragens, tecnologia, consultoria e projetos, capacitação, teleatendimento, comunicação, refrigeração, equipamentos de segurança, fardamentos, meio ambiente, publicidade, saúde, eletricidade, lavanderia, alimentação.

Para a empresária Ana Mendonça, presidente da Pense e integrante da Rede Petro Sergipe e Brasil, a rodada está trazendo várias oportunidades de negócios. “De todas as rodadas que participei, a de Sergipe é a mais bem estruturada e organizada, temos condição de conversar com todas as grandes empresas âncoras e com as ofertantes”, destaca.

Além da Petrobras e da Vale, várias empresas compradoras participaram da rodada, como a Energiza, Votorantim, OAH Construções, QS Reatores, Teekay Piranema, Estre Ambiental, ETX, Transpetro, Fafen, Petrobras Tic, WN Serviços, entre outras. A grande maioria dos empreendimentos âncoras e ofertantes são de Sergipe, mas também tiveram empresas da Bahia, São Paulo e do Rio de Janeiro que vislumbraram possibilidades de negócios no evento. Os empreendimentos do estado são dos municípios de Aracaju, Rosário do Catete, Carmópolis, Laranjeiras, Nossa Senhora do Socorro, Poço Verde, Japaratuba, Lagarto, São Cristóvão e Itabaiana.

Ana Nunes, gestora do projeto Petróleo e Gás, desenvolvido pelo Sebrae e Petrobras, está satisfeita com o resultado. “Tivemos uma variedade enorme de empreendimentos inscritos, todas as empresas estão bastante animadas com os contatos que estão fazendo. Acreditamos que a rodada está sendo bastante positiva. Novas âncoras estão presentes, com grande potencial de compras e parcerias”, diz.

É o que confirma o empresário Antônio Neto, integrante de uma cooperativa que participa do evento. “Considero a rodada de negócios uma grande oportunidade para nós, da Cooperativa Cérebros e Obras, pois estamos tendo oportunidade de oferecer nossos serviços nas áreas de caldeiraria, soldagem, montagens, para empresas que necessitam de manutenção”, reforça.

A rodada de negócios é uma realização do Sebrae, Petrobras e Vale, com apoio do governo do estado, Infonet e Talentos Humanos.

Fonte: Bruno Leonel / SEBRAE – SE