FURACÃO NOS ESTADOS UNIDOS PROVOCA AUMENTO DOS COMBUSTÍVEIS TAMBÉM NO BRASIL

As consequências do Harvey também atingem os brasileiros.  Petrobrás anunciou nesta sexta (1) um aumento de 2,7% no preço da gasolina a partir deste sábado (2). É o segundo aumento no mês de setembro, em resposta à disparada das cotações internacionais após o furacão Harvey, nos Estados Unidos. Apenas neste mês, a gasolina nas refinarias da estatal acumula alta de 7%, teto estabelecido pela nova política de preços da companhia para a concessão de reajustes pela área técnica. O preço do diesel também subirá neste sábado, em 4,4%.

A Petrobrás está sendo fiel a política de adotou nesta atual direção da empresa. Instituída no início de julho, a política dá autonomia à área técnica para ajustar os preços de acordo com as cotações internacionais, o câmbio e as condições de competição no mercado até o limite de 7% para cima ou para baixo. Depois disso, as decisões têm que ser tomadas pelo GEMP (Grupo Executivo de Mercado e Preços), formado por membros da diretoria da empresa.

Na quinta (31), a empresa anunciou  um aumento de 4,2 % no preço da gasolina, o mais alto desde que iniciou a nova política de preços, com início de vigência nesta sexta. Os reajustes seguem a disparada de preços nos Estados Unidos, provocada pelo fechamento de refinarias no Texas devido aos estragos provocados pelo furacão Harvey, que atingiu a costa norte-americana no último sábado (26). Como dissemos, a partir deste fim de semana, já deve faltar combustíveis no sul dos Estados Unidos.

Fonte: PetroNotícias